GARIBALDI DEVERÁ SER INDICADO LÍDER DO PMDB


 Os ânimos voltaram a se acirrar entre os senadores Renan Calheiros e Romero Jucá, principal interlocutor do Presidente Temer no Congresso Nacional.

Durante a sessão plenária desta terça-feira, Renan que é líder do PMDB, voltou a acusar o governo de sofrer influência do ex-deputado Eduardo Cunha, preso em Curitiba e condenado no âmbito da Operação Lava-Jato.
Na mesma sessão, Renan disparou críticas à reforma trabalhista proposta por Temer e relatada por Jucá.

Como represália, Romero Jucá, com aval de Temer, colheu assinaturas dos senadores peemedebistas para destituir Renan Calheiros da liderança do partido. O indicado por Temer e Jucá será o senador Potiguar Garibaldi Filho.

Comentários