ROBINSON VAI FECHAR HOSPITAIS NO INTERIOR




A sociedade potiguar que já sofre pela deficiência na rede pública de saúde, foi surpreendida na manhã desta segunda-feira pela decisão do governo do estado de fechar sete Hospitais no interior do Estado. Após muita polêmica, o governo soltou nota para explicar a decisão. 

Nota de Esclarecimento do Governo do Estado
 A respeito do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) assinado pelo Governo do Estado com o Ministério Público do Trabalho e o Ministério Público Estadual, esclarecemos os seguintes pontos: 
O TAC foi sugerido pelo MP após um minucioso estudo realizado sobre o atendimento na rede de hospitais regionais do RN, que identificou a necessidade de uma adequação à realidade financeira do Estado; 
O Termo determina a elaboração de um plano de revisão dos hospitais da rede, observando-se critérios de otimização dos recursos orçamentários escassos; 
Também está prevista a conversão de hospitais que não apresentam condições estruturais de atendimento pleno para Unidades de Pronto-atendimento, UBS – Unidade Básica de Saúde, Sala de Estabilização, de forma que permaneçam em funcionamento como unidades de saúde; 
Trata-se, portanto, de um reordenamento para definir uma melhor aplicação e distribuição dos recursos destinados à rede e, consequentemente, por um melhor atendimento à população, com hospitais em pleno funcionamento. 
O Governo do Estado trabalha para garantir o melhor atendimento a toda a população, sem desperdício de recursos.

Comentários