Pular para o conteúdo principal

SENADO: JOSÉ AGRIPINO RECEBE TROCO DE ROSALBA


Por Igor Henrique Costa 

Renato Russo na letra de Boomerang Blues cantava algo que vale para toda vida: " Tudo o que você faz, um dia volta pra você" e é com essa tônica que podemos descrever a situação política do Senador José Agripino Maia.

Quem acompanha o cenário político do Rio Grande do Norte, deve recordar do grande vexame protagonizado pelo Democratas sob a orientação de José Agripino contra a então governadora Rosalba Ciarlini.

Filiada à legenda há duas décadas, eleita e reeleita Prefeita de Mossoró, eleita senadora e governadora pela legenda, o Democratas negou o direito de Rosalba concorrer à reeleição.

Líder máximo do partido, Agripino já tinha orientado todos os delegados convencionais para cassarem o direito da governadora que queria ter o seu governo avaliado nas urnas. Como previsto, perdeu o direito que em reuniões às escuras, já tinham lhe cassado.

Naquela altura, já estava tudo acertado entre José Agripino e Henrique Alves, na época o terceiro homem mais poderoso da República.
 Henrique trabalhava a candidatura ao governo e sabia da força que Rosalba ainda tinha.
Agripino que precisava garantir a reeleição do filho à Câmara Federal, sacrificou a única governadora do Democratas em todo o país.

Henrique Alves perdeu a campanha ao governo, o Democratas perdeu uma das três vagas na Assembléia Legislativa.

Quatro anos depois o quadro foi invertido.

Rosalba Ciarlini é Prefeita de Mossoró e com grande poder de decisão no cenário político do RN. Todos desejam o seu apoio.

Agripino Maia tentará o quinto mandato de senador perde feio em todas as pesquisas já realizadas. Em todas as conversas que se discute a montagem da chapa majoritária, o nome do Senador é vetado pela Prefeita de Mossoró e pelo seu grupo político.

Nos bastidores da política potiguar já é tido como certo a desistência de Agripino em concorrer à reeleição.

O tempo é severo e justo!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ESTAMOS EM NOVO ENDEREÇO

Pensando em dar uma nova cara ao nosso blog, estamos disponíveis agora no endereço www.igorhenriquecosta.com.br 
Nova cara, novas ferramentas e o compromisso de sempre.
Te esperamos lá!

BEM VOTADA EM NATAL, PETISTA DÁ CALOTE NOS NATALENSES

Não vomitem!


Na última quarta-feira durante a reunião da bancada federal do RN, uma assessora de Natália colocou a posição da deputada, que está em viagem no exterior, sobre o corte de recursos destinados ao município de Natal.

Natália votou pelo corte dos recursos que possibilitariam a construção do terminal turístico na Redinha. Por Natália Bonavides, Natal só deveria ser contemplada com 1 milhão de reais.

Para quem não sabe, a deputada foi vereadora em Natal por dois anos e tem na Capital sua principal base eleitoral.

Esperava-se que Natália retribuísse ao cidadão Natalense com trabalho. O que não aconteceu.

Ao invés de defender sua cidade, a parlamentar Petista foi flagrada invadindo a fazenda do médium João de Deus em Goiás.


Há quem diga que Natália será candidata a Prefeita de Natal. Além de covarde é atrevida.

EM DEBATE ACALORADO, DEPUTADO GEORGE SOARES LEVANTA SUSPEITA CONTRA ALYSSON

Por Rafael Duarte Agência Saiba Mais O clima esquentou na sessão desta quinta-feira (25), na Assembleia Legislativa, pouco antes da votação do reajuste dos profissionais da Educação. O líder do governo na Casa George Soares (PR) e o deputado Allyson Bezerra (Solidariedade) bateram-boca e precisaram ser contidos pelos colegas. A polêmica começou no debate sobre o projeto enviado pelo Governo que reajusta em 4,17% o salário-base dos professores e especialistas em Educação, mas descambou para o lado pessoal e provocou constrangimento geral entre os parlamentares e o público que acompanhava a sessão nas galerias. Allyson Bezerra questionou a constitucionalidade da proposta, que na avaliação dele tratava servidores ativos e aposentados de forma diferente, o que não é permitido por lei. O curioso é que o deputado do Solidariedade é membro da Comissão de Constituição, Justiça e Redação, fórum adequado para questionar a legalidade do projeto, que passou pela CCJ aprovado por unanimidade pelos set…