FAMÍLIA JÁCOME PARTE PARA O TUDO OU NADA


Quem acompanha o cenário político do Rio Grande do Norte sabe que o deputado federal Antônio Jácome só discute alianças que garantam espaços para seus familiares em cargos políticos. Antônio Jácome já foi vice-governador, vereador de Natal, deputado estadual e atualmente exerce o cargo de deputado federal. Sempre que surgiu a oportunidade de subir um degrau no jogo político, Jácome deixou um parente no cargo anterior. Foi assim com o ex-vereador Osório Jácome, com o filho Jacó que foi vereador e hoje é deputado estadual e também com o sobrinho Ériko, eleito na sombra do tio.

Sabendo das dificuldades que teria para ser reeleito, tendo em vista que a candidatura de Carla Dickson tem encontrado boa receptivadade no segmento evangélico, Jácome vem costurando uma aliança com Garibaldi Filho (MDB) e Carlos Eduardo (PDT) para ser o segundo senador na chapa do ex-prefeito de Natal.  O acordo tem o aval de José Agripino (DEM) que deverá concorrer à Câmara Federal.

As eleições de outubro tem tudo para ser o divisor de águas da neo-oligarquia Jácome. Ao tomarem conhecimento do acordo, líderes do PSD já externaram a decisão de não conceder a legenda para que o deputado Jacó Jácome concorra a reeleição. Com três mandatos nas três esferas do Poder Legislativo, a família Jácome poderá terminar o pleito apenas com o mandato de Ériko.

Comentários