IDEMA: DA LAMA AOS DIAS DE GLÓRIA



O Engenheiro Agrônomo Rondinelli Oliveira foi indicado pelo governador Robinson Faria em Janeiro de 2015 para ocupar o cargo de Diretor geral do Idema.

Após graves problemas envolvendo antigos dirigentes do órgão, onde foram desviados milhões de reais descobertos através da Operação Candeeiro, o Idema chega ao final de 2018 com outro aspecto perante a classe empresarial, produtiva e sobretudo perante a sociedade.

A agilidade na emissão de licenças ambientais para os Parques Eólicos resultou em benefícios econômicos imensuráveis para o Estado do Rio Grande do Norte.

Além de bancar o próprio custeio, o Idema hoje tem sobra de caixa e servidores valorizados.

Comenta -se que o atual diretor pode ser mantido pela governadora eleita Fátima Bezerra.

O modelo de gestão definido por Robinson Faria para o Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente já mostrou que é benéfico.

A politização de indicações para o órgão adotada por governos anteriores só serviu para o aparelhamento do poderoso Tesouro do RN.

Comentários